Pai acorda de madrugada e flagra filha adolescente transando no quarto

Seis e Meia Urgente | 21.1.14 | 0 comentários

Na madrugada desta terça-feira (21), à 1h20, a Polícia Militar foi acionada a comparecer a Rua Rui Barbosa, onde  um cidadão  flagrou a filha adolescente em ato sexual em seu quarto. Ele disse que estava dormindo e acordou com o barulho de cães e saiu de sua residência. Verificou que uma equipe policial estava atendendo a uma ocorrência nas proximidades de sua residência, deste modo achou que a insistência dos latidos se dava a tal fato.

Quando retornou a residência, foi verificar se sua filha a menor de quatorze anos estava ainda dormindo ou se havia acordado com o barulho, tendo em vista que esta mora com a mãe e veio passar a noite com seu pai. No momento que adentrou o quarto flagrou sua filha nua em cima de um homem também nu, sendo que havia movimento configurando ato sexual. Ao ver a cena ficou atordoado e mandou que o homem se vestisse e desse o fora de lá o mais rápido possível, deste modo o homem o fez e sua filha também se vestiu. O tal homem subiu em uma motocicleta Yamaha YBR azul e se evadiu.

Ainda com confuso e não conseguindo pensar com propriedade resolveu ligar para a mãe da menor  da qual  está separado. Depois de uma reunião familiar o mesmo resolveu acionar a PM e relatar o fato. Deste modo os policiais conversaram com a menor e a mesma relatou que o homem, identificado apenas como J.C. parou a motocicleta e a chamou pelo nome. Ela foi até a janela e chamou J. para entrar.Segundo a menor ela não pensou que seu pai iria acordar e deste modo manteve relações sexuais com o mesmo. Disse ainda que usou camisinha e que a relação durou aproximadamente dez minutos pois o pai havia pego os dois no flagra. A menor relatou que já havia "transado" com J. outras três vezes, sem conhecimento ou consentimento dos pais.

Devido aos fatos apurados e desejo de representação por parte do pai pelo crime de estupro, a PM lavrou o BO e encaminhou para a 20ª SDP para serem tomadas as medidas cabíveis.

Category:

0 comentários

Poste um comentário